Li hoje no Globo Esporte que a torcida do Manchester United é estimada no mundo em 333 milhões de torcedores, sendo 134 milhões considerados como sendo %22torcedores fiéis%22. Estes números astronômicos mostram a força do futebol globalizado e da mídia nos destinos do planeta.

Provavelmente times com apelo mundial como Milan, Real Madrid, Barcelona, Internazionale, Arsenal e Liverpool devem possuir números semelhantes, em especial graças à forte influência no superpovoado Sudeste Asiático.

Em um único só país, a estimativa é que o turco Fenerbahce, com seus 50 milhões de torcedores, seja a maior torcida em um país. O brasileiro Flamengo, a despeito das habituais bravatas e baboseiras do Kléber Leite, possui um número bem abaixo disto, na ordem de 35 milhões de torcedores. Números próximos aos do Corinthians, que gradualmente tem diminuído a diferença.

E se vocês acham que é exagero, basta dizer que o Barcelona tem mais de 20 mil sócios no Japão…

EDITADO: Depois de ler um comentário do Matheus de POA, fiz um research sobre o tamanho da torcida do Fenerbahce. Achei que só na Turquia eles possuem 30 milhões de torcedores (tirei do site da UEFA).

E o número é muito maior no resto do mundo, pois 6.5 milhões de turcos moram fora do país (com passaporte turco) e outros dez milhões são descendentes diretos de turcos. Só na Alemanha são 2.7 milhões de turcos. Se 1/5 disto torcer pelo Fenerbahce, chega bem próximo aos 35 milhões. Eu corrijo a informação sobre a Turquia.

Mas mantenho sobre as torcidas no resto do mundo. Índia e Ásia tem quase 3 bilhões de moradores e é gigantesca a força da Inglaterra sobre seu antigo império colonial. A influência da Grã-Bretanha é bem maior que a dos Estados Unidos, por exemplo.

Postado por Alexandre Perin