Cristiano Ronaldo e Alex Ferguson: quem manda é o da direita!

O inexplicável ataque de bobice do astro Cristiano Ronaldo no jogo Manchester United 2×0 Manchester City no último domingo, não passou em vão. O craque português, autor do primeiro gol do jogo, teve um estrondo chilique ao sair de campo aos 13 minutos do segundo tempo, poupado por Sir” Alex Ferguson para a reta final do Campeonato Inglês (faltam três rodadas) e da Liga dos Campeões da Europa (está na final contra o Barcelona).

Irritado ao ser substituído por Paul Scholes, Ronaldo fez careta, parou, colocou a mão na cintura. Foi para o banco, deu um tapa em uma garrafa d´água, sentou no lugar. Não satisfeito, sabendo que as câmeras lhe focalizavam, fez muxoxos de reprovação.

O problema é enfrentar Alex Ferguson, o treinador mais vitorioso do planeta ainda em atividade. Três ídolos do Man United deixaram o clube após brigar com o técnico do Manchester há 23 anos. O primeiro foi David Beckham, depois Ruud Van Nistelrooy e por último Roy Keane.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=S5tCxS8DwDA&hl=pt-br&fs=1]

Envolvido nos últimos dois anos em dezenas de notícias sobre uma possível ida para o Real Madrid, Cristiano Ronaldo deixou claro há duas semanas que não pensa em sair de Old Trafford. Ontem, informações não-oficiais citaram uma prensa dos demais jogadores contra o `gajo`, pedindo para que ele deixe de `agir como idiota`.

A defesa do técnico é algo meio óbvio, já que no Manchester United alguns jogadores estão no clube desde que começaram no futebol, como Ryan Giggs, Paul Scholes, Gary Neville e John O`Shea.

Outros, como Wayne Rooney, Edwin Van der Sar e Rio Ferdinand estão há muitos anos. Cristiano Ronaldo também e, depois de se mostrar contrariado, finalmente terminou pedindo desculpas ao treinador e aos demais colegas.

Entre o técnicoe o jogador, não importa quem seja, ganha o Manchester United. A diretoria dá respaldo para Alex Ferguson, e a torcida também. Talvez por isto ele esteja próximo de seu 33º e 34º título em Old Trafford, monumental fila de conquistas que inclui dois campeonatos europeus, uma Copa Intercontinental, um Mundial de Clubes e DEZ títulos nacionais.

Te aquieta aí, Ronaldo!

Postado por Perin, que venera `Sir Alex` Ferguson