27 de maio de 2009, Internacional 3×1 Coritiba pelas semifinais da Copa do Brasil. Esta tinha sido a última virada colorada até o sofrido triunfo de hoje sobre o Sport, por 2×1 na Ilha do Retiro.

De lá para cá, o Inter não havia vencido nenhum jogo, em qualquer competição, depois de sair perdendo no placar. O máximo que tinha conseguido foi uma virada para 3×2 sobre o Santos (e começou levando dois gols), mas acabou cedendo o empate em 3×3.

Esta foi a primeira virada no ano como visitante, as outras foram todas no estádio Beira-Rio: 4×1 na Ulbra, 5×1 no Caxias pela Taça Fernando Carvalho (1° turno do Gauchão) e 2×1 sobre o Grêmio na Taça Fábio Koff (2° turno do Gauchão).

O Inter não vencia de virada no Campeonato Brasileiro desde agosto de 2008, quando goleou o Palmeiras de virada por 4×1.

A vitória de hoje marcou o retorno do Internacional à Taça Libertadores (a não ser que alguém ache que o Inter vai levar mais de 13×0 do Santo André).  

Curiosamente a classificação matemática em 2005 foi no sufoco contra um dos últimos colocados: venceu o Brasiliense por um magro 1×0 em pleno Beira-Rio com um gol de Márcio Mossoró aos 47 do 2° tempo.