Um lance bizarro ocorreu na partida Austrália 3×2 Guiné Equatorial, pela Copa do Mundo de Futebol Feminino. O jogo, válido pelo grupo do Brasil, estava 1×0 quando a árbitra húngara Gyengyi Gaal simplesmente não marcou um pênalti clamoroso após ‘pane mental’ da zagueira Bruna, de Guiné Equatorial.

Após um chute que acertou o travessão, a defensora africana segurou a bola com as duas mãos, e imediatamente as australianas pediram pênalti.Lentamente, Bruna largou a bola e o jogo seguiu, para desespero das reclamantes. Vejam:

szólj hozzá: Gaál Gyöngyi benézi

A Austrália chegou a ceder o empate, abriu 3×1 e selou o placar final em 3×2. O Brasil, neste domingo, goleou a Noruega por 3×0.