Minsk, a capital de Belarus, viveu cenas emocionantes nesta quinta-feira. Quinze mil torcedores lotaram a Minsk Arena para assistir um jogo de hóquei no gelo que não aconteceu. E nunca ocorrerá.

O mundo esportivo segue abalado pelo desaparecimento do Lokomotiv Yaroslav, time da KHL (Kontinental Hockey League), competição que reúne os principais times profissionais da região da extinta União Soviética. O avião com 45 passageiros caiu logo após a decolagem, matando 43 de 45 tripulantes. 37 eram jogadores do Lokomotiv, e apenas 1 sobreviveu, em estado crítico com 80% do corpo queimado.

Dentro da quadra, estavam os nomes dos atletas em grandes retratos. Em silêncio, os jogadores do Dinamo Minsk, no exato instante que o jogo começaria,  conduziam o puck (a bolinha do hóquei)até um dos gols, e no outro levavam flores. Uma orquesta tocava um réquiem.

Não preciso dizer mais nada. Só escutem e vejam.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=AI8YPm_tYXA&w=520&h=345]

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=skjCrstMNWc&w=420&h=345]

O presidente russo Dmitry Medvedev pediu uma investigação profunda na deplorável situação da aviação russa, a recordista de acidentes aéreos.

As primeiras suspeitas é de que a gasolina do avião (aliás um modelo bastante antigo) estivesse contaminada, algo que derrubava aviões nos anos 80 mas incomum nos últimos tempos.

Porém a caixa-preta, que deveria ser inviolável, está molhada demais para ser aproveitada…