A gestão de Paulo Odone completa 18 meses neste mês de junho. Até o momento, o Grêmio contratou 27 atletas na atual gestão do presidente tricolor. Deste total, não podemos considerar atletas contratados para as categorias de base (como Renato Camillo, contratado ontem junto ao Santa Cruz e com 18 anos). O Grêmio teve Antônio Vicente Martins como Vice-Presidente de Futebol em 2011, sendo substituído pelo Diretor-Executivo Paulo Pelaipe.
E quem deu certo? A análise abaixo contempla questões como o custo/benefício do atleta, a expectativa pelo mesmo, questões dentro e fora dos gramados. Por exemplo, se o atleta veio como titular e hoje é reserva, ficou com uma análise ruim. Porém se o mesmo jogou bem e depois teve uma queda, os bons momentos não foram esquecidos.
Considerando-se o elevado universo de contratações, 27, o desempenho geral não é nada bom. Apenas Léo Gago, Kléber e Marcelo Moreno foram aprovados integralmente em minha análise, todos contratados em 2012. Alguns jogadores estão na média, como o zagueiro Werley, os laterais Pará e Júlio César, os meias Marquinhos e Marco Antônio e o atacante Brandão. Sete ainda não foram avaliados definitivamente: Tony, Pablo, Souza, Zé Roberto, Felipe Nunes, Rondinelly e Bertoglio.

Kléber - A contratação mais acertada da "Era Odone" - Foto: Diego Vara

Já a lista de reprovados é bem maior, com 11 atletas: Sorondo, Douglas Grolli, Edcarlos, Rodolfo, Naldo, Gilberto Silva, Vinícius Pacheco, Escudero, Carlos Alberto, Miralles e Lins. Apesar de titular, pelo investimento e pelo histórico, Gilberto Silva deveria estar jogando bem mais. Tanto é que o Grêmio busca zagueiros e nem pensa em colocá-lo no meio-campo.

  • Tony – lateral-direito – Juventus-SP – EM OBSERVAÇÃO – O garoto chegou agora para compor grupo, ainda não estreou
  • Sorondo – zagueiro – Internacional – REPROVADO – Assolado por lesões, o defensor uruguaio sofreu uma nova contusão séria antes mesmo de estrear e rescindiu com o Grêmio.
  • Douglas Grolli – zagueiro – Chapecoense – REPROVADO – Titular na pré-temporada e nos primeiros jogos, nunca mais entrou em campo após a queda de Caio Júnior
  • Edcarlos – zagueiro – Cruzeiro – REPROVADO – De atuações muito ruins no 2º turno do Brasileirão 2011, não ficou para o ano seguinte
  • Rodolfo – zagueiro – Lokomotiv Moscou-RUS – REPROVADO – Não deu certo a maior aposta defensiva do então técnico Renato. Foi mal no 1º semestre e mal jogou no 2º
  • Pablo – zagueiro – Ceará – EM OBSERVAÇÃO – Jogou apenas um jogo até agora, e não foi bem. Mas precisa de maior tempo de análise
  • Werley – zagueiro – Atlético-MG – NA MÉDIA – Tem feito bastante gols, mas cometido alguns erros na defesa. Precisa de mais jogos de maneira regular.
  • Naldo – zagueiro – Cruzeiro – REPROVADO – Erra muito atrás, faz muitos gols no ataque. Rafael Márques redivivo.
  • Pará – lateral-esquerdo – Santos – NA MÉDIA – Alterna bons e maus jogos. Ainda sem uma análise definitiva.
  • Júlio César – lateral-esquerdo – Fluminense – NA MÉDIA – Começou muito bem, depois decaiu. Em 2012 não jogou bem e ainda se machucou, agora seriamente.
  • Léo Gago – volante – Coritiba – APROVADO – Jogou bem quase todos os jogos e é peça-chave no meio-campo tricolor.
  • Gilberto Silva – volante – Panathinaikos-GRE – REPROVADO – Como volante foi mal, claramente mostrando sinais da idade. Como zagueiro alguns bons jogos. Seus melhores anos estão no passado;
  • Souza – volante – Porto-POR – EM OBSERVAÇÃO – Início espetacular, queda bastante acentuada nos últimos jogos. Ainda precisa mostrar.
  • Zé Roberto – meia – Al-Gharafa-EAU – EM OBSERVAÇÃO – o grande meio-campista brasileiro, de 37 anos, ainda não estreou
  • Marquinhos – meia – Avaí – NA MÉDIA – Apesar do salário alto, é um jogador apenas de grupo, com problemas físicos.
  • Marco Antônio – meia – Portuguesa – NA MÉDIA – Um jogador de grupo, tem bom passe mas alterna bons jogos com sumiços em campo.
  • Felipe Nunes – meia-atacante – Independente-SP – EM OBSERVAÇÃO – O garoto já caiu nas graças da torcida, mas ainda não teve uma sequência forte. Tem potencial
  • Facundo Bertoglio – meia-atacante – Dínamo Kiev-UCR – EM OBSERVAÇÃO – O garoto alternou bons e irregulares momentos. Ainda precisa de mais tempo para análise.
  • Rondinelly – meia-atacante – Vila Nova-GO – EM OBSERVAÇÃO – Só jogou 1 jogo e mostrou potencial, mas ainda precisa provar mais.
  • Vinícius Pacheco – meia-atacante – Flamengo –  REPROVADO – Nunca se firmou, esquecido no banco de reservas, saiu sem deixar saudades
  • Escudero – meia-atacante – Boca Juniors-ARG –  REPROVADO – Teve sequências, mas não mostrou um futebol indiscutível, com bastante irregularidade.
  • Carlos Alberto – meia-atacante – Vasco da Gama –  REPROVADO – Um dos maiores fiascos da gestão, foi contratado apenas por pedido do técnico. Brigou com todos e saiu rapidamente
  • Kléber – atacante – Palmeiras –  APROVADO – O jogador mais caro da gestão de Odone, até agora o grande acerto. Era referência técnica e de raça até sofrer grave lesão.
  • Marcelo Moreno – atacante – Shakthar Donetsk-UCR –  APROVADO – Tem jogado bem, abaixo da expectativa feita mas sido competente em linhas gerais. Kléber faz falta para ele
  • Miralles – atacante – Colo-Colo-CHI –  REPROVADO – Arrumou várias discussões com Celso Roth, e quase saiu no fim de 2011. Este ano tem jogado e acrescentado muito pouco
  • Brandão – atacante – Cruzeiro – NA MÉDIA – Veio como reserva e fez seus gols. Foi prejudicado por uma lesão e falta de acerto contratual. É melhor que André Lima
  • Lins – atacante – Criciúma –  REPROVADO – Veio como aposta de grupo, chegou a ser titular e nunca se firmou. Ao menos fez gol em Gre-Nal.

POR POSIÇÃO – 27 ATLETAS

  • LATERAIS – 3
  • ZAGUEIROS – 7
  • VOLANTES – 3
  • MEIAS – 2
  • MEIA-ATACANTES – 7
  • ATACANTES – 5