A temporada 2012 terminou para o Grêmio com um gostinho de decepção. Afinal, o time fez uma temporada muito boa, foi protagonista em todas as competições (Gauchão, Copa do Brasil, Copa Sul-Americana e Campeonato Brasileiro), mas fracassou nos momentos cruciais e termina a temporada tal qual 2011: sem títulos. Pior, sem chegar a uma única final.

A “Era Olímpico” acabou e quando o Grêmio entrar oficialmente em campo pela próxima temporada, já estará instalado na novíssima e moderna “Arena do Grêmio”, no bairro Humaitá aqui em Porto Alegre. Foi um ano nostálgico para todos os gremistas, que se despediram de sua casa após 58 anos de história.

Velho Olímpico em seu último ano de existência – Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

A nova casa gremista terá a chance de sediar jogos da Libertadores em 2013, fruto do 3º lugar no Brasileirão. O técnico também, já que mesmo com a mudança de diretoria (entrando o mítico Fábio Koff no lugar do sempre polêmico Paulo Odone), a comissão técnica foi mantida, sob comando de Wanderley Luxemburgo.

E quanto aos números? Bem, a temporada 2012 mostra um Grêmio extremamente eficiente. Fez 126 gols em 75 jogos, um número considerado bom, mas o resultado final foi excelente: 66% de aproveitamento em 2012. 25 gols saíram de rebotes ou roubadas de bola, 8 de falta, 8 de pênalti e 3 gols foram contra.

O volante Fernando foi quem mais jogou, impressivos 67 de 75 jogos, seguido de longe pelo também volante Souza (60 jogos), Léo Gago, Marquinhos e Marcelo Moreno (todos com 55 partidas).

O artilheiro foi Marcelo Moreno, com 21 gols, seguido de longe por Kléber (15 gols) e André Lima (13), porém Kléber fez a maioria dos gols no 1º semestre. Já nos passes para gol, o especialista em bola parada Marco Antônio liderou com 10 assistências, seguido por Elano (9), Kléber e Moreno (ambos com 7).

Com a torcida empolgada, uma ótima base de time e um estádio novo, os prognósticos são alvissareiros para 2013. Vamos conferir.
NÚMEROS

  • Jogos: 75
  • Vitórias: 45
  • Empates: 15
  • Derrotas:15
  • Gols pró: 126
  • Gols contra: 67
  • Saldo: 59
  • Esquema tático mais usado: 4-4-2 por 63 vezes (em 17 jogos com 3 volantes), depois 4-3-3 e 4-5-1 (4 vezes cada)
  • Maior goleada: Grêmio 5×0 Novo Hamburgo, Campeonato Gaúcho
  • Pior derrota: Corinthians 3×1 Grêmio, Campeonato Brasileiro/Millionários-COL 3×1 Grêmio, Copa Sul-Americana
  • Maior série invicta: 15 jogos
  • Maior sequência de vitórias: 7
  • Maior série sem vencer: 3 (duas vezes)
  • Maior sequência de derrotas: 2 (duas vezes)
  • Quem mais jogou: Fernando, 67 partidas
  • Artilheiro: Marcelo Moreno, 21 gols
  • Maior assistente: Marco Antônio, 10 passes para gol
  • Gol mais bonito: Marco Antônio, Fortaleza 0x2 Grêmio, Copa do Brasil
  • Craque da temporada: Zé Roberto
  • Decepção da temporada: Kléber
  • Revelação da temporada: Werley
  • Total de contratações (grupo principal): 20 atletas
  • Total de liberações (grupo principal):  21 atletas
  • Contratação furada de 2012: Sorondo
  • Contratação acertada de 2012: Zé Roberto
  • Pior jogo: São José 2×1 Grêmio, Campeonato Gaúcho
  • Melhor jogo: Grêmio 1×0 Fluminense, Campeonato Brasileiro
  • Momento crucial da temporada: derrota para o Palmeiras no Olímpico pelas semifinais da Copa do Brasil
  • Momento brilhante: A chegada de Elano e Zé Roberto na metade da temporada
# Jogador Gols
1 Marcelo Moreno 21
2 Kléber 15
3 André Lima 13
4 Werley 9
5 Elano 8
Leandro 8
7 Fernando 7
Léo Gago 7
9 Bertoglio 5
Marco Antônio 5
11 Miralles 4
Naldo 4
Zé Roberto 4
14 Marquinhos 3
Souza 3
16 Douglas Grolli 2
Gabriel 2
18 Anderson Pico 1
Gilberto Silva 1
20 Vílson 1
Perlaza (contra) 1
Fernando Belém (contra) 1
Wágner (contra) 1
Total 126
# Jogador Assistências
1 Marco Antônio 10
2 Elano 9
3 Kléber 7
Marcelo Moreno 7
5 Zé Roberto 6
6 Bertoglio 5
Marquinhos 5
8 Edílson 4
Fernando 4
Léo Gago 4
Souza 4
12 Gabriel 3
Miralles 3
14 Felipe Nunes 2
Pará 2
16 Douglas Grolli 1
Gilberto Silva 1
Guilherme Biteco 1
Leandro 1
Naldo 1
Rondinelly 1
22 Tony 1
Rebote/Roubada 25
Pênalti 8
Falta 8
Gol Contra 3

 

# Atleta/Jogo TOTAL
1 Fernando 67
2 Souza 60
3 Léo Gago 55
4 Marcelo Moreno 55
5 Marquinhos 55
6 Pará 54
7 André Lima 53
8 Gilberto Silva 52
9 Marco Antônio 51
10 Kléber 49
11 Werley 49
12 Leandro 38
13 Marcelo Grohe 38
14 Victor 36
15 Zé Roberto 34
16 Naldo 33
17 Elano 30
18 Gabriel 29
19 Vílson 27
20 Anderson Pico 26
21 Edílson 21
22 Júlio César 17
23 Bertoglio 15
24 Miralles 15
25 Rondinelly 14
26 Tony 11
27 Douglas Grolli 9
28 Saimon 8
29 Bruno Collaço 6
30 Felipe Nunes 6
31 Mário Fernandes 5
32 Douglas 3
33 Guilherme Biteco 3
34 Felipe Guedes 2
35 Yuri Mamute 2
36 Dener 1
37 Pablo 1
TOTAL