Select Page

Mês: julho 2013

TÚNEL DO TEMPO: 40 anos do desastre de Zandvoort e do heroísmo de David Purley

40 anos de um dos momentos mais trágicos, e inacreditáveis, da história da Fórmula 1. No dia 29 de julho de 1973 morria o jovem e promissor inglês Roger Williamson, no GP da Holanda em Zandvoort. Mais do que uma fatalidade, a morte escancarou o caos que eram as questões de segurança na categoria então, o descaso dos administradores dos circuitos, da FIA e dos dirigentes de equipe, e a omissão de boa parte dos pilotos. E também uma tentativa heróica do também piloto David Purley em salvar seu amigo de um carro em chamas, sem equipamentos e sem...

Leia Mais

Primeiro título do Grêmio na Libertadores completa 30 anos – Veja detalhes desta história

Neste 28 de julho, o Grêmio comemora 30 anos de sua primeira grande conquista internacional: o título da Copa Libertadores de 1983, vencendo o campeão mundial Peñarol na decisão no estádio Olímpico por 2×1. O Almanque Esportivo, há exatos 5 anos, fez um post especial sobre esta conquista. Como não poderíamos deixar de lembrar, faço o convite para rever esta história contada há tanto tempo e que teve o atual presidente do Grêmio, Fábio Koff, como grande líder daquela jornada. Divirtam-se: Há 25 anos: Grêmio conquista a América! 28 de julho de 2008 No dia 28 de julho de 1983,...

Leia Mais

SENNA: Honda faz homenagem e reproduz com sons e luzes a pole de 1989 no Japão

A montadora Honda fez uma bela homenagem para o tricampeão mundial Ayrton Senna, morto há 19 anos.  A empresa japonesa entregava os motores da McLaren nos três títulos mundiais do brasileiro e está de volta à escuderia britânica a partir de 2015. Então resolveu homenagear o lendário piloto fazendo uma enorme estrutura no circuito de Suzuka, palco dos três títulos de Senna. Com caixas de som e luzes, a Honda montou a “volta virtual” de Ayrton Senna no treino classificatório do famoso GP do Japão de 1989, quando Senna fez a pole-position e bateu o recorde do circuito em 1m38s041. Os dados foram obtidos da telemetria do carro naquele dia, e o ronco reproduzido fielmente em uma gravação noturna. Inclusive a telemetria é um dos principais destaques, já que foi implementada pela própria Honda na categoria há cerca de 30 anos. O comercial termina com o slogan: “A tecnologia que um dia apoiou Senna, agora para sua perfeita experiência de dirigir”. Apenas divirtam-se, lembrem e se emocionem: [youtube=http://www.youtube.com/watch?v=oeO2q8FzcnM&w=560&h=315] A corrida é uma das mais polêmicas da história da categoria. Quase ao final da corrida, Senna tentou passar Prost e foi fechado. Prost abandonou e se Senna não vencesse a corrida, o campeonato terminava ali, mas Senna foi empurrado pelos fiscais, buscou uma distância e passou Alessandro Nannini. Mas foi desclassificado após a corrida pelos comissários por ter “recebido ajuda...

Leia Mais

Ronaldinho e mais seis: confira lista de campeões da Copa Libertadores e também da Liga dos Campeões da Europa!

Ronaldinho entrou para a história do futebol mundial nesta semana. Ele se tornou o sétimo jogador da história do futebol a ter conquistado títulos continentais em dois continentes: Europa e América do Sul. O título desta temporada da Copa Libertadores pelo Atlético Mineiro se aliou à conquista da Liga dos Campeões em 2006 pelo Barcelona. Outros três brasileiros também conquistaram esta glória incomum: Roque Júnior, Cafú e Dida. O zagueiro e volante Roque Júnior foi campeão sul-americano pelo Palmeiras em 1999 e pelo Milan em 2003. Já Cafú em 1991 e 1992 pelo São Paulo, 2007 pelo Milan impressionantes 16 anos depois de sua primeira conquista. Finalmente Dida, campeão sul-americano pelo Cruzeiro em 1997 e pelo Milan em 2003 e 2007. Além destes, outros três argentinos conquistaram esta glória: Juan Pablo Sorín, Carlos Tévez e Walter Samuel. O caso curioso é o de Sorín: foi campeão da Libertadores em 1996 pelo River Plate, curiosamente após jogar pela Juventus na Liga dos Campeões daquele mesmo ano. Na real, Sorín estava presente nas duas finais, mas seu nome está registrado. Já Tévez é mais simples: campeão no Boca Juniors em 2003, e no Manchester United em 2008. Finalizando, Walter Samuel foi campeão no Boca Juniors em 2000 e na Internazionale em 2010. Dois casos ficaram “sob júdice”, mas o Comitê Executivo deste blog (leia-se: eu) vetou a inscrição: Edmílson (que teria...

Leia Mais

Inter não vencia 3 partidas seguidas há 76 rodadas no Campeonato Brasileiro

A dramática vitória de 1×0 sobre o Flamengo foi o terceiro triunfo consecutivo do Internacional nesta Série A. Ela ocorreu após triunfos de 5×3 sobre o Vasco da Gama e 3×2 no Fluminense, fora de casa. Há exatos 76 jogos o Colorado não obtinha uma série tão positiva na competição. Foram 30 jogos em 2011, os 38 de 2012 e mais os 8 primeiros na atual edição. 06 de julho de 2011, 8º rodada do Campeonato Brasileiro. Com uma suada vitória de 1×0 sobre o Atlético-PR, gol de Oscar o Internacional vencia o terceiro jogo consecutivo naquele Brasileirão. Treinado por Paulo Roberto Falcão, o Inter vinha de vitórias sobre o Figueirense por 4×1 e 4×0 sobre o Atlético-MG (fora de casa), e entrava no G4. Na sequência, perderia 3 jogos e Falcão seria demitido. Reveja o gol daquela vitória: [youtube=http://www.youtube.com/watch?v=HCsfdkwDOyA&w=420&h=315] Em competições nacionais e internacionais, descontando jogos do Estadual, o Inter não ganhava três seguidas desde este mesmo jogo, mas o jejum havia sido superado no último sábado, quando bateu o Fluiminense por 3×2, contando ainda com o 3×1 no América-MG pela Copa do...

Leia Mais
  • 1
  • 2