ERRATA: O Almanaque Esportivo esqueceu de um dos jogos, Grêmio 2×1 Atlético-MG. A tabela abaixo está corrigida. Felizmente os números mudaram muito pouco em relação ao tíquete médio (de 37 para 36 reais), não impactando na análise final.

Ir para o Beira-Rio no Campeonato Brasileiro está em média 20% mais caro que ir na Arena do Grêmio em 2014. Após 15 rodadas do Campeonato Brasileiro, foram realizados seis jogos no Beira-Rio e cinco na Arena (outros quatro jogos foram disputados em Caxias do Sul durante o período de preparação para a Copa do Mundo), e em média o colorado que pagou ingresso desembolsou 43 reais, contra 36 reais de um tricolor.

Os números do Grêmio indicam uma redução pequena em relação ao tíquete médio do ano passado, que estava em torno de 38 reais. A média caiu um pouco este ano, tanto nos valores quanto em público, mas vale também ressaltar que o Grêmio não teve um clássico em seu estádio e os jogos foram menos atrativos.

Grêmio - Tíquete médio de 36 reais em 2014

Grêmio – Tíquete médio de 36 reais em 2014

No caso colorado, a média é maior e o preço também: em torno de 43 reais. Porém o Colorado tem como novidade o estádio (primeiro ano de utilização) e já teve o clássico Gre-Nal para melhorar a média. Considero um equívoco o preço tão elevado, que poderia estar obtendo mais renda com mais público, que no fim das contas é o objetivo de um clube de futebol. A taxa de ocupação está pouco acima dos 50% da capacidade total do estádio, algo bem inadequado tendo em vista a ótima campanha do time.

Inter - Tíquete médio de 43 reais em 2014

Inter – Tíquete médio de 43 reais em 2014