2471 dias. Seis anos, nove meses e seis dias.  Esse foi o período sem gols do volante argentino Pablo Guiñazu, multicampeão pelo Internacional na década passada. Guina ficou 4 anos no Inter sem marcar gols, repetindo o período no Libertad, Vasco da Gama até chegar ao Talleres nessa temporada, uma promessa que fez para seu pai de que encerraria a carreira pelo time de Córdoba.

Guiñazu acerta chutaço e marca após 7 anos - Reprodução: Talleres

Guiñazu acerta chutaço e marca após 7 anos – Reprodução: Talleres

Aos 37 anos, Guina fez aos 45 minutos do segundo tempo na vitória do seu Talleres sobre o All Boys pela Segunda Divisão argentina o gol da virada de 2×1 que promoveu o time de Córdoba para a Primeira Divisão. E foi um golaço:

https://www.youtube.com/watch?v=YKZU9busiyg

“El Cholo” não marcava desde o 4×0 sobre o Goiás no Campeonato Brasileiro de 2009 após receber passe de Marquinhos (Gabriel) e chutar rasteiro para fazer 2×0. Aliás, os quatro gols de Guiñazu pelo Inter ocorreram em goleadas:

Com isso, o jogador com passagens no futebol brasileiro que está há mais tempo sem fazer gols é o volante Pierre, ex-Palmeiras e Atlético-MG e hoje no Fluminense. Pierre não marca desde um 4×1 no Náutico em 2009, ainda jogando pelo Palmeiras. Jogou 4 anos no Galo e não fez gols e segue sem marcar pelo Tricolor carioca.

O último gol de Pierre você confere aqui: