Select Page

Mês: agosto 2016

BRASILEIRÃO: Z4 na 22º rodada desde 2006, quem escapou e quem caiu

O Internacional, após muito esforço, conseguiu cair para o Z4, a temível zona de rebaixamento do Brasileirão 2016. São 14 jogos sem vitórias, com 5 empates e 9 derrotas. Em especial, os dois últimos jogos, quando errou um pênalti aos 44 do segundo tempo no empate de 1×1 contra o São Paulo e levou o empate em 1×1 contra o Sport também faltando um minuto para o término do tempo regulamentar, deixaram o time da Beira-Rio nessa situação. Desde 2006,(contando o período com 20 times na Série A), 13 dos 40 times que estavam no Z4 na 22º rodada...

Leia Mais

OLIMPÍADAS: os 77 multimedalhistas brasileiros em todos os tempos!

O baiano Isaquias Queiroz entrou para a história do esporte brasileiro por diversos motivos nas Olimpíadas Rio 2016. Ele foi o primeiro medalhista olímpico brasileiro na canoagem de velocidade(já tinha sido o primeiro campeão mundial). E de quebra, conquistou três medalhas na mesma modalidade em uma única edição dos Jogos: nas categorias C1 1000m(prata), C2 1000m (prata) (ao lado de Erlon de Souza) e C1 200m (bronze), feito inédito na história do esporte brasileiro. Em tempos de 31 medalhas para o norte-americano Michael Phelps, vale lembrar que isso é um fato raro no esporte brasileiro. Apenas quatro atletas conquistaram a proeza de...

Leia Mais

VÔLEI: Time de Bernardinho encerra ciclo de 15 anos com 44 pódios em 47 torneios!

A Seleção Masculina de Vôlei conquistou ontem a medalha de ouro nos Jogos do Rio 2016 com categóricos 3×0 sobre a Itália em um Maracañazinho em êxtase. Foi o tricampeonato olímpico, reeditando as conquistas de 2004 em Atenas e a pioneira conquista de 1992, em Barcelona. Nas duas últimas, o mesmo comandante: Bernardo Rezende, o Bernardinho. Ele deve deixar o comando do time após 15 anos de um sucesso inigualável na história deste esporte. Em 47 competições (algumas foram comandadas por auxiliares, mas sempre sob supervisão dele), foram 44 pódios com três terceiros lugares, 13 vices e 29 títulos. Apenas em...

Leia Mais

OPINIÃO: Falta indignação ao Internacional!

por Marianna Poeta (@mariannapoeta) E o Internacional completou incríveis dois meses sem vencer uma partida pelo Campeonato Brasileiro. Que a direção é muito confusa e sem convicção, todos nós sabemos. Foi preciso uma “intervenção” no presidente Vitório Píffero, com Fernando Carvalho, Chumbinho, Ibsen Pinheiro e Celso Roth retornando ao Clube, para tentar tomar as rédeas de um futebol e vestiário completamente perdidos. O primeiro jogo de Roth, de volta como técnico ao Internacional pela quarta vez, não foi como esperado pela torcida. Mais do que nunca, era preciso uma vitória mesmo contra a Chapecoense, time que é sempre uma pedra no sapato. O que deu para...

Leia Mais

OLÍMPIADAS: Por doping, russas são eliminadas e Brasil herda bronze em 2008 no atletismo feminino

A Federação Internacional de Atletismo ACABA de dar mais uma medalha para o Brasil nos Jogos Olímpicos. Porém ela é retroativa, pois foi em relação aos Jogos de 2008 em Beijing, na China. Refizeram os exames de doping da russa Yulia Chermoshanskaya por causa do escândalo de doping envolvendo a Federação Russa e a Federação Internacional de Atletismo (que deliberadamente ignorava casos de doping desse país por suborno já comprovado). Ela foi desclassificada da final dos 200m (chegou em 8º lugar) e no 4x100m (que havia vencido). Com o resultado, a Rússia foi desclassificada e as atletas Yevgenia Polyakova, Aleksandra Fedoriva,...

Leia Mais