Juventude e Internacional se enfrentam em Caxias no próximo domingo pelo Campeonato Gaúcho. Será o reencontro dos dois finalistas de 2016, em jogos que o Inter se mostrou bastante superior ganhando na ida e volta (1×0 e 3×0) e conquistando o hexacampeonato estadual.

Artur e Sasha comemoram o primeiro gol da final de 2016 - Foto: site oficial do Internacional

Artur e Sasha comemoram o primeiro gol da final de 2016 – Foto: site oficial do Internacional

Neste Gauchão, a despeito da boa fase colorada nos últimos jogos, ambos fazem campanha irregular, nunca entre os primeiros da tabela. O Ju é o quinto colocado e o Inter apenas o sétimo. Só não perguntem ao blogueiro aqui porque pelo terceiro ano seguido o confronto contra o Juventude é em Caxias do Sul…A FGF não sabe fazer uma tabela que alterne os mandos de campo. Bizarro.

Antes das finais do ano passado, o Almanaque Esportivo relembrou a mudança radical de resultados desde o segundo jogo da final do Gaúcho de 2008, o histórico 8×1 no Beira-Rio. Se antes o Juventude tinha ampla vantagem, com título e eliminações marcantes, algumas goleadas, desde então tudo mudou.

Entre 1995, quando passou a disputar a primeira divisão, e 2008, o Juventude ganhou do Inter 21 vezes e perdeu 16. Foi campeão gaúcho em pleno Beira-Rio em 98 e no ano seguinte eliminou o Colorado em um histórico 4×0 nas semifinais da Copa do Brasil.

Desde aquela tarde chuvosa marcada pelo ciclone extratropical em Porto Alegre, o Inter simplesmente obliterou o rival de Caxias. São 11 vitórias em 14 jogos, com absurdos 41 gols marcados e apenas 9 sofridos. A única vitória caxiense veio num 1×0 de 2015 numa falha grotesca do goleiro Muriel.

Em 2016 foram três vitórias coloradas: 1×0 no Alfredo Jaconi com gol de Eduardo Sasha.

Depois, 1×0 na final do Gauchão gol de Andrigo mesmo com Vitinho expulso no segundo tempo:

Na finalíssima do Beira-Rio, gols de Eduardo Sasha (o da polêmica valsa), Paulão e Gustavo Ferrareis selaram o título:

1995
Juventude 5×1 Internacional – Campeonato Gaúcho – Primeiro grande fiasco colorado, no jogo que encerrou a carreira do goleiro César Silva no Inter, falhando em 4 gols.
Internacional 0x2 Juventude – Campeonato Gaúcho
Juventude 0x0 Internacional – Campeonato Gaúcho
Juventude 2×1 Internacional – Campeonato Brasileiro – Primeiro confronto após o retorno do Ju a primeira divisão.

1996

Juventude 2×2 Internacional – Campeonato Gaúcho – Jogo marcado por uma arbitragem catastrófica de Fabiano Gonçalves. Sobre ele, o então diretor de futebol colorado Larry Júnior falou: “nunca mais apita jogo do Inter”. Obviamente apitou dezenas de partidas depois.
Internacional 0x0 Juventude – Campeonato Gaúcho – Juventude eliminou o Internacional deste Gauchão.
Juventude 2×1 Internacional – Campeonato Brasileiro

1997
Internacional 2×1 Juventude – Campeonato Gaúcho – Primeira vitória colorada desde 1993.
Internacional 0x1 Juventude – Campeonato Brasileiro – Fim da longa invencibilidade colorada na competição, 14 jogos.

1998
Juventude 3×1 Internacional – Campeonato Gaúcho – Finais – Juventude saiu perdendo e virou.
Internacional 0x0 Juventude – Campeonato Gaúcho – Finais, Juventude campeão pela primeira vez na história. Primeiro título do Interior em 50 anos
Juventude 1×2 Internacional – Campeonato Brasileiro – 1º vitória do Inter desde o retorno do Ju à Série A

1999
Juventude 3×1 Internacional – Copa Sul
Internacional 1×1 Juventude – Copa Sul
Juventude 0x0 Internacional – Copa do Brasil
Internacional 0x4 Juventude – Copa do Brasil – Juventude massacra Inter e vai para a finalíssima diante de 70 mil colorados, sendo campeão na final contra o Botafogo.
Juventude 1×3 Internacional – Campeonato Gaúcho
Internacional 3×2 Juventude – Campeonato Gaúcho – Menos de 4 dias depois, Inter eliminou o Ju do Gauchão, mas perderia as finais para o Grêmio.
Internacional 0x0 Juventude – Campeonato Brasileiro

2000
Juventude 2×2 Internacional – Campeonato Gaúcho
Internacional 3×1 Juventude – Campeonato Gaúcho
Internacional 2×1 Juventude – Campeonato Brasileiro

2001
Juventude 4×2 Internacional – Campeonato Gaúcho
Internacional 0x0 Juventude – Campeonato Gaúcho
Internacional 0x2 Juventude – Campeonato Brasileiro

2002
Internacional 3×1 Juventude – Copa Sul-Minas
Juventude 0x1 Internacional – Campeonato Gaúcho
Juventude 3×2 Internacional – Campeonato Brasileiro – Resultado que deixava o Inter em situação desesperadora contra o rebaixamento.

2003
Juventude 0x0 Internacional – Campeonato Gaúcho
Internacional 3×3 Juventude – Campeonato Gaúcho – Estréia de Nilmar, melhor em campo. Ju chegou a estar perdendo de 3×0.
Juventude 1×1 Internacional – Campeonato Brasileiro
Internacional 0x0 Juventude – Campeonato Brasileiro

2004
Juventude 4×1 Internacional – Campeonato Gaúcho
Internacional 0x0 Juventude – Campeonato Gaúcho
Internacional 3×2 Juventude – Campeonato Gaúcho – Primeiro gol de Rafael Sóbis pelo Internacional
Internacional 1×2 Juventude – Campeonato Gaúcho –
Internacional 1×2 Juventude – Campeonato Brasileiro –
Juventude 2×3 Internacional – Campeonato Brasileiro –

2005
Juventude 1×2 Internacional – Campeonato Gaúcho –
Internacional 1×0 Juventude – Campeonato Gaúcho –
Internacional 5×2 Juventude – Campeonato Brasileiro – Jogo marcado por várias falhas do goleiro Doni. Alguns dias depois, foi comprado pela Roma (?!?!)
Juventude 2×1 Internacional – Campeonato Brasileiro –

2006

Juventude 2×0 Internacional – Campeonato Brasileiro
Internacional 1×0 Juventude – Campeonato Brasileiro

2007
Juventude 2×1 Internacional – Campeonato Gaúcho
Internacional 1×0 Juventude – Campeonato Gaúcho
Juventude 2×0 Internacional – Campeonato Brasileiro
Internacional 3×0 Juventude – Campeonato Brasileiro – Resultado que rebaixou o Juventude na Série A 2007

2008

Internacional 0x1 Juventude – Campeonato Gaúcho
Juventude 3×0 Internacional – Campeonato Gaúcho
Juventude 1×0 Internacional – Campeonato Gaúcho – Primeiro jogo das finais, gol em uma falha de Fernandão nos acréscimos.
TOTAL: 21V Juventude, 14E, 16V Internacional. 75 gols Juventude, 61 GP Inter


O 8×1 mudou completamente o equilíbrio de forças entre Juventude e Internacional. Desde então, o Colorado só perdeu 1x (e com os reservas) e já goleou em quatro oportunidades: de 8×1, de 7×0, de 5×0 e 4×1. O Inter, que vivia seu melhor momento e havia melhorado nos anos 2000 os confrontos contra o Juventude, encerrava a ‘touca verde’ de uma vez. Foram 9 vitórias em 12 jogos, com 37 gols marcados e apenas 9 sofridos.

2008
Internacional 8×1 Juventude – Campeonato Gaúcho – O jogo da virada, massacre colorado e Inter campeão.

2009
Juventude 3×3 Internacional – Campeonato Gaúcho – Show de Nilmar, autor de um gol antológico

2010
Internacional 5×0 Juventude – Campeonato Gaúcho – Estréia do técnico Jorge Fossatti
Internacional 2×0 Juventude – Campeonato Gaúcho – Juventude eliminado 1º turno

2011
Internacional 3×1 Juventude – Campeonato Gaúcho
Juventude 1×2 Internacional – Campeonato Gaúcho – Inter eliminou Juventude do 2º turno e do Gauchão. Gol de Tinga após ‘lambreta’ de Leandro Damião

2012
Internacional 7×0 Juventude – Campeonato Gaúcho – 4 gols nos últimos minutos na 2º maior goleada do século.

2013
Internacional 4×1 Juventude – Campeonato Gaúcho – Nova goleada
Internacional 0(4)x(3)0 Juventude – Campeonato Gaúcho Internacional campeão do 2º turno e do Gauchão antecipadamente nos pênaltis.

2014
Internacional 2×1 Juventude – Campeonato Gaúcho

2015
Juventude 1×0 Internacional – Campeonato Gaúcho – Primeira vitória do Juventude desde 2008

2016
Juventude 0x1 Internacional – Campeonato Gaúcho
Juventude 0x1 Internacional – Campeonato Gaúcho – Primeira final
Internacional 3×0 Juventude – Campeonato Gaúcho – Segunda final

TOTAL: 14J, 11V Internacional,2E, 1V Juventude. 41 gols Inter, 9 gols Juventude.

RESUMO DESDE 1995:

Entre 1995 e 2008, 1º jogo da final:
TOTAL: 21V Juventude, 14E, 16V Internacional. 75 gols Juventude, 61 gols Inter

Entre 2008, 2º jogo da final (8×1) e agora:
TOTAL: 14J, 11V Internacional,2E, 1V Juventude. 41 gols Inter, 9 gols Juventude.

 

LEIA TAMBÉM

1995 a 2016: a história do clássico Juve-Nal separada por um 8×1